InícioPortalBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe
 

 Aparatório

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Admin
Admin
Admin

Mensagens : 172
Data de inscrição : 03/09/2013

Aparatório Empty
MensagemAssunto: Aparatório   Aparatório I_icon_minitimeQui Set 05, 2013 7:04 pm


Ministério da Magia


Aparatório

Muito embora o nome sugira, o Aparatório não é um local em que o ato de Aparatar seja permitido; este, dentro do ministério, é permitido somente em três locais específicos: Gabinete do Ministro, Escritório Superior do Líder dos Aurores e Sala do Chefe de Execução das Leis da Magia e, também, somente é permitido pelos ocupantes destes respectivos cargos: Ministro da Magia, Líder dos Aurores e Chefe de Execução das Leis da Magia. O Aparatório é o local em que ficam localizadas as lareiras da rede de flu credenciadas pelo ministério e dos pontos de entrada espalhados pelo mundo. Trata-se de um largo e amplo hall, com lareiras da rede de flu na esquerda e na direita e, ao centro, círculos onde os visitantes do globo chegam para tratar de seus interesses. Ao final do hall do Aparatório, dezenas de elevadores mágicos conduzem os visitantes ao próximo nível, o Átrio. Sejam todos bem vindos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://durmstrang.ace.st
Teddy Lupin
Feiticeiros Distintos
Teddy Lupin

Mensagens : 10
Data de inscrição : 05/09/2013
Idade : 49

Aparatório Empty
MensagemAssunto: Re: Aparatório   Aparatório I_icon_minitimeQua Out 09, 2013 12:05 am

Teddy Lupin


Eu confesso que estou sempre com medo, sempre envergonhado do que está dentro de mim.



  Um estalo fora ouvido, e de uma das lareiras mais ao fundo, uma pequena fagulha deu origem a uma grande quantidade de chamas verdes perolada que se expandiu dando lugar a uma silhueta masculina aparentemente forte. Seus olhos eram de um mel e pareciam brilhar no escuro, o visitante possuía sentidos apurados, enxergava cada canto daquele local sem nenhuma dificuldade por causa da escuridão. Seu cabelo era liso e caia sobre sua face extremamente pálida que destacava seus grandes lábios avermelhados contornados por uma leve camada de barba por fazer. Era elegante, de trajes finos cobertos por um sobretudo marrom aberto que chacoalhava espantando o restante das chamas para longe de si.
  Teddy Lupin, o ex-ministro a sua casa retornava para uma noite de acertos. Evitaria um combate se possível, apenas desejava uma conversa pacífica com o atual encarregado daquele local. Visava a compreensão de seus atos, não gostaria mais de fugir e tendo em vista tudo o que já passou teria de usufruir de grande ajuda para encontrar seu filho e provar que o mesmo não havia assassinado tantas pessoas há pouco mais de um ano. Lupin não conhecia o atual ministro, apenas ouviu falar de seus grandes feitos, mas não se sentia intimidado.
  O primeiro passo fora dado, assim como uma de suas mãos se ergueu iluminando o recinto com auxílio da varinha. Caminhou lentamente seguindo em direção aos elevadores, tomando cuidado para que não causasse qualquer tipo de ruído. Não gostaria de alardes, apesar de ter consciência de que poucos funcionários se fariam presentes naquela hora da noite. Já era tarde e muitos estariam em suas casas cuidando de suas famílias e preparando a cama para dormir. - Homenum Revelio... - Sussurrou num singelo floreio, o qual nada fora captado pelo feitiço. Não havia ninguém sanando suas duvidas sobre algum tipo de magia oculta. Estava fora de riscos por enquanto. Lupin mordeu o lábio inferior ao chegar no hall onde se encontrava os elevadores. Não poderia ser notado ou captado por qualquer tipo de feitiço, e não deixaria rastros, afinal era de sua natureza o instinto de caçador. Pois assim como no seu tempo de caça a bruxos na época de Auror fez um movimento o qual o fez sorrir pela nostalgia que aquilo lhe trazia. O condão fora levantado, e ao redor, até mesmo na área das lareiras uma névoa começou a surgir. Era fina e densa, tão leve que mesmo sem brisa começava a se espalhar facilmente pelo Aparatório anulando quase que por completo a visão de quem por ali passasse. Aparentemente um feitiço "temporal" que algum funcionário não soube resolver, assim pensaria quem por ali percorresse. Poucos saberiam identificar que aquela era a marca do Lupin.
  O rapaz tocou a grade de um dos elevadores, e ali aguardou até a chegada do mesmo. Não tinha pressa, e permanecia atento a qualquer silhueta que pudesse aparecer por ali.
Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Aparatório

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Ministério da Magia :: Aparatório-